sábado, 9 de maio de 2009

Countdown to Infinite Crisis


De uma vez por todas decidi mergulhar de cabeça nas "Crises" da DC. Eu sei que é complicado de início, mas acho que o pior já passou! Comecei pelo principio, pela primeira crise, Crisis on Infinite Earths , seguido por um livro que não gostei muito: Zero Hour: Crisis in Time. Apenas comprei este porque o vilão era o Paralax e faz parte da minha "run" do Green Lantern Hal Jordan. Falhei o Identity Crisis (porque ainda não chegou), que deveria ser lido antes deste Countdown to Infinite Crisis, visto que é a rampa de lançamento destas mini-séries, que se cruzam antes do epílogo Infinite Crisis. Em contrapartida juntei mais dois livros às quatro mini-séries deste "countdown": Superman-Sacrifice e JLA-Crisis of Conscience. A minha sugestão de leitura é a seguinte:
- Day of Vengeance
- OMAC Project
- Superman: Sacrifice
- Rann - Thannagar War
- Villains United
- JLA: Crisis of Conscience

Fica também o registo de que se deve ler antes destes o Identity Crisis, e depois destes existe um livro que não sei se será muito necessário, seria para reunir as pontas soltas destas mini-séries todas e tem o nome deste arco... chama-se Countdown to Infinite Crisis. Não o acho necessário.
Quanto à arte apresentada varia do bom ao "mais ou menos", como é normal nestes mega eventos. A estória que apresenta o prelúdio para Infinite Crisis peca por muitas pontas espalhadas, mas para quem tem os livros todos não faz confusão.
Começa por Day of Vengeance, que continua os eventos de Identity Crisis. Neste Identity Crisis, Sue Dibny mulher do Elongated Man (Homem Elástico), é assassinada e o seu corpo encontrou-se completamente mutilado e queimado. Descobre-se que o vilão Dr Light no passado a tinha violado no quartel general da JLA. Logico que foi o suspeito nº1 do crime e a Liga da Justiça resolve fazer justiça na hora... Assim "lobotomizam" o vilão e não contentes com isso modificam-lhe a personalidade. A autora, a mando dos outros heróis, foi a feiticeira Zatanna. O problema foi que Dr Light recupera a memória e respectiva personalidade, para além de se lembrar do que lhe tinham feito. Isto provoca a raiva de todos os vilões e a sua união! Jean Loring, mulher do Átomo e afinal a verdadeira assassina de Sue Dibny, é transformada numa nova versão do Eclipse, a nemesis da "Mão de Deus", o poderoso Spectre. Este encontra-se sem a sua parte humana e é facilmente convencido por Eclipse a eliminar todos os super-heróis! É a primeira grande batalha... os mágicos do mundo DC e Shazam unem-se para evitar esta enorme ameaça.
Em OMAC Project um satélite espião de Batman é roubado pela organização Checkmate, e como consequência da informação guardada aí, a identidade, família, amigos, pontos fracos e fortes de todos os heróis passam a ser conhecidos por outras pessoas, isto para além do controle mental que o Rei Negro desta organização consegue obter sobre outros. Blue Bettle foi o primeiro a desconfiar e a investigar. Custou-lhe a vida. Aqui e em Superman: Sacrifice podem ver como o Superman é completamente controlado mentalmente por um vilão, apenas com a Wonder Woman a tentar resolver o assunto e com uma enorme tareia pelo meio. Para resolver de vez o assunto, a Mulher-Maravilha comete um grande e grave pecado, embora necessário, foi completamente reprovado pelos seus dois amigos, Batman e Superman. Não vou contar mais. É uma estória absorvente, com muitos pormenores e não quero retirar prazer de leitura a quem decida ler este arco! Apenas digo que no fim de toda esta trama a Liga da Justiça fica completamente "esfrangalhada"! O resto fica para a apresentação de Infinite Crisis.
Boas leituras.

TPB
Criado por: Dave Gibbons, Ivan Reis, Greg Rucka, Jesus Saiz, Cliff Richards, Bob Wiacek, Bill Willingham, Justiniano, Gail Simone, Dale Eaglesham, Val Semeiks, Geoff Johns, Allan Heinberg, Greg Rucka, Mark Verheiden e muitos outros.
Editado entre 2005 e 2006 pela DC
Comprado no Book Depository
Nota : 8 em 10
Deixa o teu comentário

Enviar um comentário