quarta-feira, 6 de junho de 2018

Lançamento Levoir: Colecção Novela Gráfica (série IV) - Os Guardiões do Louvre




Pelo quarto ano consecutivo a Levoir e o jornal Público editam a Colecção Novela Gráfica. Este ano será à 4ª feira, e não à 5ª feira como tem sido costume, que os livros irão para as bancas. Portanto, hoje 6 de Junho, sairá Os Guardiões do Louvre.
Fiquem com a informação da Levoir sobre esta colecção no geral, e do primeiro volume em particular:

Escolhemos a obra do mestre Jiro Taniguchi, Os Guardiães do Louvre, para o lançamento da colecção de Novela Gráfica 2018, composta por 12 volumes e cujo lançamento em banca é no dia 6 de Junho. Edição de coleccionador em capa dura por mais 10,90€ cada livro.

Obras imprescindíveis e galardoadas com prémios internacionais, autores nunca antes editados em Portugal como o espanhol Sebastià Calbot ou a francesa Pénélope Bagieu.



  • Os Guardiões do Louvre - Jirô Taniguchi
  • Aqui Mesmo - Jacques Tardi
  • O Fantasma de Gaudi - Jesús Alonso Iglesias e El Torres
  • Calipso - Cosey
  • O Farol; O Jogo Lúgubre - Paco Roca
  • Uma Irmã - Bastien Vivés
  • Destemidas - Pénélope Bagieu
  • Tatuagem -Hernán Migoya e Bartolome Seguí, adaptado de Manuel Vásquez Montalbán
  • Gente de Dublin - Alfonso Zapico adaptado de James Joyce
  • O Jogador de Xadrez - David Sala adaptado de Stefan Zweig
  • O Último Recreio - Carlos Trillo e Horacio Altuna
  • Novembro - Sebastià Calbot


Os Guardiães do Louvre, foi o último trabalho de Taniguchi para o mercado francês e que surge aqui editado no sentido de leitura original para o qual foi concebido — isto é, no sentido de leitura japonês, em que a leitura é feita de forma invertida, da direita para a esquerda —, o que acontece pela primeira vez nesta colecção.

Taniguchi faz do Museu do Louvre e dos seus guardiões (nos mais diversos sentidos) os protagonistas de uma belíssima história com toques autobiográficos, que é uma declaração de amor ao Louvre e às relações artísticas entre a França e o Japão, magnificamente ilustrada numa delicada técnica de aguarela.



A história acompanha um estudante de artes que aproveita uma folga para visitar o Louvre. Ao chegar a Paris, o rapaz adoece com febre alta chegando mesmo a delirar, mas decide realizar a visita mesmo assim. Lá ele encontra os Guardiões do Louvre, espíritos de obras e autores que habitam o local.

Com uma narrativa contemplativa, é apresentado o espaço e alguns episódios ligados à sua história, como a transferência dos objectos do museu durante a Segunda Guerra Mundial para que as obras não caíssem nas mãos dos nazis. Taniguchi trabalha cada página com esmero.. A história presta reverência à arte, tratando as obras com respeito e admiração, e o passeio pelo ambiente impressiona pela riqueza de detalhes e pelo olhar apaixonado que o autor nos transmite em cada página.

Características – Vol. 1

Tradução – José de Freitas e Shinji Iwaoka
Prefácio – Pedro Bouça
Preço – 10,90€
Nº páginas – 152
Cor
Capa dura
Formato – 220 x 300 mm







Boas leituras




Deixa o teu comentário